Beth Olegario

Beth Olegario

quinta-feira, 31 de outubro de 2013


A Lua Ocultando Vênus

Enterrou o dia
em luto
vestiu-se de negro,
e resolveu sair.

desorientada
perdeu-se no espaço.
Caiu a noite.

Sabendo que era apenas uma fase
Ergueu-se
e decidiu ser linda
Pendurou um brinco no infinito
e na boca da noite
todos se encantava com
um batom enluarado que enfeitava o céu.

Beth Olegário

terça-feira, 14 de julho de 2009


GOZO

Entre a boca
E a fala
Há um entrave
A língua e o dente

Não falo entre dentes!

Falo
Entre línguas
Excita
Entre dedos
Desejos

Entre a boca
E a fala
Há um entrave

Palavras sólidas
Falo ereto
Nas entranhas
Fala
Palavras líquidas.


(Beth Olegario)

domingo, 12 de julho de 2009


MODO DE MATAR UMA MULHER

Pare!!
Pois, para matar uma mulher
Não precisa coragem, faca
Ou vício.

Estás coisas exigem tempo
E o tempo
É um substantivo

Os homens
(Des)conhecem a gramática
Pois, sabem
Que para matar uma mulher
Basta apenas
Adjetivos.

(Beth Olegário)